115 views | Not-Geral | Atualizado em: 08/08/2017

Pela 1ª vez, FGTS vai distribuir R$ 7 bi de lucro a trabalhadores

O objetivo da divisão do lucro do fundo é tornar a remuneração do FGTS menos desvantajosa

O presidente Michel Temer disse que será anunciado na quinta-feira a nova remuneração para o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Essa remuneração acrescentará 7 bilhões de reais às contas dos trabalhadores no FGTS.

“Vamos anunciar 7 bilhões do FGTS para os trabalhadores brasileiros, fruto de uma nova remuneração para o Fundo de Garantia”, disse o presidente em cerimônia sobre financiamento imobiliário da Caixa Econômica Federal.

Esse montante corresponde à metade do lucro de 14 bilhões de reais obtido pelo FGTS em 2016. Essa é a primeira vez que o lucro do FGTS é distribuído com os trabalhadores. A mudança foi incluída na medida provisória 763 – a mesma que liberou o pagamento das contas inativas do fundo.

O objetivo da divisão do lucro do fundo é tornar a remuneração do FGTS menos desvantajosa. Pela regra atual, o FGTS paga juros de 3% ao ano mais a taxa referencial (TR). Com isso, o rendimento tem ficado historicamente abaixo da inflação e de investimentos conservadores, como a poupança.

A distribuição do lucro será proporcional ao saldo na conta de cada trabalhador. O valor depositado não poderá ser sacado a qualquer momento. O dinheiro só pode ser retirado no casos previstos em lei, como compra da casa própria ou aposentadoria.

(Veja)

ÚLTIMOS POST's