263 views | Destaque | Atualizado em: 09/01/2018

População de vila se mobiliza e encontra assaltantes

que mataram mulher em Cametá

Dois assaltantes acusados da morte de uma mulher foram capturados pela Polícia Militar, com a ajuda da população, na comunidade de Vila Curuçambaba, a cerca de 30 km do centro de Cametá, nordeste paraense. Uma guarnição do 32º Batalhão da Polícia Militar (BPM) realizou a prisão da dupla e aguarda para a transferência dos presos.

Os dois piratas seriam da região do Pindobal Miri, também em Cametá, do outro lado do Rio Tocantins. Neste domingo (07), eles atravessaram o rio e invadiram a casa da mulher, moradora da Vila Curuçambaba, um lugarejo ribeirinho com cerca de 3000 habitantes. Ao ser surpreendida pelos dois assaltantes, ela foi morta com um tiro na cabeça.

Revoltados com o assassinato, os moradores da comunidade começaram uma caça pelos bandidos. Na tarde de ontem (08) o pirata conhecido como “Dinho” e seu comparsa foram localizados pela população. Ainda não há informações se eles foram agredidos pela multidão, mas uma guarnição da Polícia Militar está na vila e a sede do 32º BPM  aguarda contato dos PMs que foram atender à ocorrência.

Por: Portal ORM

ÚLTIMOS POST's